domingo, 28 de outubro de 2012

A luta (im)possível

Não entre as barras, de ferro,
mas entre as exigências, morais,
alçadas em alturas impossíveis,
é onde lutamos pela nossa carne,
por uma prova do nosso nome.

Queremos continuar a poder
reconhecer a nossa imagem no espelho
mesmo quando já não nos dão
tempo, nem valor, nem - muito menos
um pouco de amor.


Sem comentários:

Enviar um comentário