sexta-feira, 20 de abril de 2012

A Sul de Nenhum Norte #6

Já está disponível o n.º 6 da mais desnorteada revista filosófica do universo. Sempre rumo ao sul.

Recomendo muito o conto de Jorge Oppenheim, toda a parte de artes gráficas (excelente sempre o menino mau, mas todo os outros). E a Maria (Sousa), claro.



nota: não tenho qualquer participação neste número uma vez que, não tendo actualizado a minha biografia, fui punido.

Sem comentários:

Enviar um comentário